quarta-feira, outubro 23, 2019

Roda de Poesia

Há dias celebrou-se o Dia da  Poesia e correspondendo ao amável convite, que muito agradeço, de Norma do Blogue Pensando em Família, para uma Roda de Poesia sobre Poetar, deixo a minha participação:


As palavras que concebo
são rimas imperfeitas
de silêncios dissipados
resgatados à maresia
oriunda de oceanos remotos.
Na areia fina da praia
por entre a espuma das vagas
aguardam que o poeta
as aprisione e transforme
em sublime canto de amor.

Ailime
2011
(Canto-meu)

9 comentários:

  1. Ailime, só posso dar os PARABÉNS! Ficou linda tua poesia participando dessa roda ! Valeu! beijos, chica

    ResponderEliminar
  2. Bom dia de paz e poesia, querida amiga ailime!
    Uma vertente de raíz onde Voce incorporou o poetar em forma de palavras...
    Um cunho filodofico deu a sua participacao e gosto muito do seu jeito diferenciado de captar o amago da poetica como um todo.
    Seja muito feliz e abencoada, minha amiga!
    Bjm carinhoso e fraterno de paz e bem

    ResponderEliminar
  3. Bom dia. Grata por se juntar a nossa roda Ailime querida. Linda! Sente-se o transbordar da alma desta poetiza que mora em você. Parabéns, amei. bjs

    ResponderEliminar
  4. Bom dia querida Ailime,

    Que lindo poemeto, mandou muitíssimo bem seu recado poético, o mar sempre inspirando os poetas.
    Tenha um ótimo dia!

    Bjss

    ResponderEliminar
  5. Parabéns pela excelente participação nesta Roda, poetisa Ailime
    Linda!
    Um beijinho carinhoso neste domingo.
    Verena.

    ResponderEliminar
  6. Sua poesia ficou divina, perfeita, resultou numa participação show, amei!
    Beijos carinhosos!

    ResponderEliminar
  7. E eu me delicio nestes cantos seus, onde poesia aflora em encanto.
    Show amiga na arte de poetizar.
    Uma feliz semana.
    Beijo amiga.

    ResponderEliminar

Caminho por aí, quer chova, quer faça sol! Até quando não sei!
Só sei que quero caminhar e contra ventos e marés nada me impedirá de construir os meus castelos!Ailime