terça-feira, agosto 29, 2017

Chuva de verão

Nos arredores do local onde moro ontem choveu abundantemente, mas aqui só hoje vi com alguma saudade as gotas de chuva a salpicarem delicadamente as flores que rodeiam os meus caminhos.
Por um lado é sinal de que o outono se aproxima a passos largos, mas por outro a terra está sequiosa e agradece esta chuva abençoada.

Colheita de hoje pela manhã.

Desejo-vos continuação de um um óptimo dia e semana.
Abraços,
Ailime

12 comentários:

  1. São lindas as folhas e flores com as gotas de chuva..Muito legais! bjs, tudo de bom,chica

    ResponderEliminar
  2. Bom quando temos chuvas calmas, bom para as flores...e lindas! bjsss

    ResponderEliminar
  3. Querida amiga sem dúvida é uma bênção esta chuva que caiu do céu abundantemente ,beijinhos muitas felicidades

    ResponderEliminar
  4. Lindas flores, a chuva é uma benção na maioria das vezes.
    Grande beijo

    ResponderEliminar
  5. Tão lindas flores! Gosto muito delas, "Bananeirinhas do Jardim"...
    Bonitas palavras num post gostoso de apreciar, Ailime.
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  6. Abençoadas rosas amarelas regadas com as gotas de chuva... Um presente divino , a bendita chuva!
    Bjsss Ailime!

    ResponderEliminar
  7. Que lindas flores Ailime que a bendita chuva fez viçar.
    Abraços e tudo de bom amiga.
    Bjs de paz.

    ResponderEliminar
  8. Olá, as belas flores ficaram felizes com a chuva, a mesma é essencial para tudo, as fotos são lindas,
    Continuação de boa semana,
    AG

    ResponderEliminar
  9. As flores regadas com a chuva e o teu carinho, Ailime.
    Um beijo, minha Amiga.

    ResponderEliminar
  10. o pormenor da chuva a salpicar as flores está fantástico.
    Beijinhos.

    ResponderEliminar
  11. Espectaculares, estas imagens, repletas de cor e frescura!
    Adorei! Beijinhos
    Ana

    ResponderEliminar
  12. Boa tarde, querida amiga Ailime!
    Lindas flores e a jardineira sorri feliz ao fim do dia...
    Seja abençoada e feliz!
    Bjm de paz e bem

    ResponderEliminar

Caminho por aí, quer chova, quer faça sol! Até quando não sei!
Só sei que quero caminhar e contra ventos e marés nada me impedirá de construir os meus castelos!Ailime